Pular para o conteúdo principal

O disco solar alado e a cruz coroada

Português 🇧🇷


Um dos símbolos usados antigamente pelos Estudantes da Bíblia é o disco solar alado, que aparecia nas capas dos livros da série Aurora do Milênio, posteriormente chamada de Estudos das Escrituras. Qual é a origem desse símbolo?

O disco solar alado tem sido tradicionalmente associado com a religião praticada no Egito. Porém, descobertas recentes apontam para um uso antigo, da parte dos israelitas, com um significado diferente do egípcio.

O jornal Times of Israel recentemente anunciou que um antigo selo do Rei Ezequias foi descoberto. Além da óbvia comprovação da historicidade desse importante personagem bíblico, descobrimos os seguintes detalhes interessantes:
Arqueólogos decifraram uma impressão de selo que exibe o nome do bíblico Rei Ezequias, do século 8 aC, recentemente encontrado durante as escavações ao lado da Cidade Velha de Jerusalém, anunciou a Universidade Hebraica  na quarta-feira. (…) O minúsculo artefato de um centímetro é decorado com motivos de estilo egípcio – um disco solar alado e um ankh, símbolo da vida. Iconografia desse tipo já havia sido utilizada pelos líderes judeus e aparecem em outros selos contemporâneos em todo o antigo Oriente Próximo. “Os motivos egípcios se espalharam por toda a região ao longo do segundo milênio a.C. ” e já não  representavam seu significado original, Mazar explicou. Os antigos judeus utilizavam o disco solar para representar o Todo-Poderoso, e as asas curvadas podem ser uma referência à expressão de Ezequias de que “o meu poder é graças à proteção de Deus”, disse ela. “Não era nada parecido com o que isso significava para os egípcios”, disse ela.

O uso do disco solar alado pelos Estudantes da Bíblia da época de Russell
Ao contrário do que tem sido afirmado por alguns (que o disco solar alado era usado por ser um símbolo místico egípcio, ou mesmo maçônico), o motivo de o disco solar alado ter sido usado pelos Estudantes da Bíblia é uma referência a Malaquias 4:2,que diz:
“Mas para vós, os que temeis o meu nome, nascerá o sol da justiça, e cura trará nas suas asas.”
Como vimos no selo de Ezequias, o disco solar alado  já não possuía a conotação que os egípcios davam a ele, mas sim, outra conotação. O que importa não é a origem do símbolo, mas o uso atual dele.
A cruz coroada
Os Estudantes da Bíblia também são acusados de misticismo ou associações com a Maçonaria pelo uso da cruz coroada. Alguns, como as Testemunhas de Jeová, também afirmam que o uso da cruz como emblema é idolatria. É verdade que a cruz era um símbolo pagão. Mas o fato é que os Romanos utilizavam vários instrumentos de tortura e a cruz era apenas mais um deles, nada tendo que ver com o paganismo mas apenas com o prolongamento do sofrimento dos condenados à morte. Modernos testes feitos por um médico legista indicaram que pendurar alguém numa estaca simples, com as mãos para cima, levaria a pessoa à morte por sufocamento em pouquíssimo tempo. Sabemos que Jesus e os ladrões ficaram pendurados por horas, portanto, isso indica que alguma forma de viga transversal foi usada para manter as mãos esticadas e prolongar o sofrimento deles. Por fim, existe uma inscrição do século 200 dC conhecida como “Alexamenos graffito”, uma “pixação” ofensiva em que Jesus é representado como um asno na cruz, com os seguintes dizeres: “Alexamenos adora seu Deus”. (Αλεξαμενος ϲεβετε θεον. ϲεβετε) Existem, portanto, indícios médicos e históricos de que o instrumento de tortura na qual Jesus foi pendurado foi uma cruz.
Mas o motivo pelo qual os Estudantes da Bíblia utilizam a cruz coroada como símbolo nada tem a ver com idolatria, mas é apenas para nos lembrar que, para recebermos a “coroa da vida”, precisamos apanhar a cruz de Jesus e segui-lo continuamente:
“… Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.” (Apocalipse 2:10)
“… Se alguém quiser vir após mim, renuncie-se a si mesmo, tome sobre si a sua cruz, e siga-me.” (Mateus 16:24)
Como no caso do disco solar alado, o selo de Ezequias também exibe um ankh, que nada mais é que uma cruz egípcia, ou “crux ansata”, que em latim significa “cruz com alça”. No entanto, o que importa não é o significado original do emblema, mas sim o que ele veio a significar posteriormente para aqueles judeus.
Aparentemente, o fato de Ezequias usar tais símbolos não era visto como um sinal de idolatria da parte de Jeová. Ezequias foi contado como um dos “reis bons” de Israel.
A respeito dele, o livro “Profecia de Isaías I”diz, nas páginas 395-396:
“Como seu antepassado Davi, Ezequias era um homem de fé. Ele prezava muito a Palavra de Deus. Segundo Provérbios 25:1, ele providenciou a compilação da matéria que hoje se encontra em Provérbios, capítulos 25 a 29. Alguns acreditam que ele também compôs o Salmo 119. O comovente hino de gratidão que Ezequias compôs depois de recuperar a saúde indica que era um homem de muita sensibilidade. Ele concluiu que a coisa mais importante na vida era poder louvar a Jeová no Seu templo “todos os dias da nossa vida”. (Isaías 38:9-20) Tenhamos todos esse mesmo sentimento para com a adoração pura!

Este texto não pode ser reproduzido sem a expressa autorização do autor. Todos os direitos reservados. ©

Comentários

  1. Muito interessante esse artigo. Desmistifica o uso desses símbolos.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Obrigado por expressar sua opinião!

Postagens mais visitadas deste blog

Biblioteca EBB

Português 🇧🇷 Español 🇪🇸English 🇺🇸Italiano 🇮🇹
🇧🇷Bem-vindo à Biblioteca dos Estudantes da Bíblia Bereanos! Aqui você encontrará publicações clássicas e atuais de diversos grupos de Estudantes da Bíblia, em português, espanhol, inglês e italiano. Volte sempre para verificar as novidades!

ATENÇÃO: Todas as publicações possuem copyright, salvo quando indicado em contrário. As publicações foram traduzidas para o português, o espanhol e o italiano com a autorização das respectivas eclésias e/ou autores. Você pode baixar as publicações para uso pessoal, mas em hipótese alguma poderão ser vendidas. Também não deverão ser disponibilizadas em outros sites, salvo com a devida autorização do(s) autor(es).

🇪🇸¡Bienvenido a la Biblioteca de los Estudiantes de la Biblia Bereanos! Aquí encontrará publicaciones clásicas y actuales de diversos grupos de Estudiantes de la Biblia en portugués, español, inglés e italiano. ¡Vuelve siempre para conocer las novedades!

ATENCIÓN: Todas las publicaciones…

O papel das mulheres Estudantes da Bíblia

Português 🇧🇷
Deus de modo algum “diminui” o papel da mulher. No Velho Testamento, por exemplo, vemos que Débora — uma mulher — ocupava o papel de juíza, um papel de liderança.


Mas é importante levar em conta que mesmo no Israel antigo as mulheres não eram escolhidas para o cargo sacerdotal. Na Era Evangélica, o apóstolo Paulo, por inspiração divina, escreveu que as mulheres deveriam permanecer em silêncio nas congregações.
“Pois Deus não é Deus de desordem, mas de paz. Como em todas as congregações dos santos, permaneçam as mulheres em silêncio nas igrejas, pois não lhes é permitido falar; antes permaneçam em submissão, como diz a Lei. Se quiserem aprender alguma coisa, que perguntem a seus maridos em casa; pois é vergonhoso uma mulher falar na igreja.” ‭‭– 1 Coríntios‬ ‭14:33-35,‬ ‭NVI‬ ‬
 Precisamos, no entanto, entender o que significa “ficar em silêncio”. Será que Paulo se referia ao silêncio absoluto, sem poder dar comentários, etc? O próprio Paulo esclarece isso no capítulo 11 de…

Quantos Estudantes da Bíblia existem ao redor do mundo?

Português 🇧🇷
Visto que não mantemos lista de membros, nem buscamos o mero crescimento numérico, mas, em vez disso, o crescimento em Cristo, essa é uma pergunta difícil de ser respondida em termos mundiais. Porém, segundo informações obtidas de membros do Movimento, um número conservador estaria por volta de mais de 10.000 membros. Um número mais otimista, fornecido por uma irmã antiga na verdade, afirma que seria por volta de 50.000. Esses números fundamentam-se nos seguintes fatos:
Todos os anos, são feitas dezenas de convenções em vários países. Apenas na Convenção Geral realizada em Johnstown, na Pensilvânia, tivemos 450 pessoas na assistência. (É importante dizer que essa convenção “geral” é promovida por apenas um dos grupos existentes, o Dawn Bible Students. Há diversos outros grupos nos EUA, que realizam suas convenções. Há convenções feitas praticamente durante o ano inteiro, só nos EUA.) Duas semanas depois, foi realizada uma Convenção na Polônia, com 1.301 presentes. 
Há diver…